O colarinho já passou por grandes transformações na história da moda: já foi grande, pequeno, ornamentado, liso, fixo e destacável. Embora atualmente eles estejam menores, existem alguns modelos diferentes – que podem até passar despercebidos, mas ajudam a harmonizar o look com o detalhe certo.

Colarinho clássico

É o modelo mais tradicional com pontas retas. Ele não é muito alongado nem muito aberto, permitindo ser usado em qualquer ocasião. O modelo clássico também cai bem com qualquer biótipo. É o colarinho mais versátil e mais comum de ser encontrado.

Colarinho slim

É uma versão mais curta do tradicional, com suas pontas menores. Ideal para usar com gravatas estreitas e peças mais ajustadas ao corpo. Dá um toque moderno ao look e fica melhor com homens mais magros e altos. Pode ser usado em ocasiões menos formais, como almoços, happy hours etc.

Colarinho italiano

O colarinho italiano tem as pontas mais curtas do que o tradicional e uma grande abertura. É ideal para ser usado com gravatas de nós maiores e robusto, devido às pontas abertas. A gravata ganha destaque com esse tipo de colarinho. Recomendado para quem tem o rosto fino, pois o italiano tende a achatar a região, equilibrando-a. Pode ser utilizado em ocasiões formais e informais.

Colarinho inglês

É caracterizado por suas pontas grandes e alongadas. Por ser mais fechado do que o italiano, os nós não podem ser tão volumosos. Pode ser usado sem gravata ou com peças slim. É ideal para homens com o rosto redondo. O formato maior garante um look um pouco menos formal.

Colarinho americano

Também conhecido como button-down, pois possui um botão em cada ponta, costurados na camisa. É uma versão bem mais informal e esportiva. É muito comum usá-lo sem gravata ou com uma gravata mais afrouxada, para um look moderno e despretensioso.

Colarinho mandarim

Também conhecido como “gola padre” é o tipo de colarinho mais informal e mais fácil de ser identificado. Não possui pontas, somente o pé de gola. Como seu nome já diz, é inspirado pelos trajes orientais. Pode ser usado em situações informais, para um estilo mais despojado.

Colarinho quebrado

Conhecido em conjunto com a gravata borboleta, esse colarinho compõe o traje black-tie. Suas pontas são curtas e levantadas. Além da gravata borboleta, pode ser usado também com uma gravata plastron. É o tipo de colarinho mais formal entre os modelos mais conhecidos.

Agora que você já sabe sobre colarinhos, que tal conferir algumas dicas sobre gravatas? Aprenda quando usar cada modelo de gravata!

Loja Virtual - Camisaria Italiana